Futebol

De virada e com nova postura, Sampaio vence o Botafogo-PB fora de casa

Ele prometeu e cumpriu. Em uma atuação totalmente diferente das anteriores, o Sampaio Corrêa do técnico João Brigatti conseguiu importante virada fora de casa sobre o Botafogo-PB, em pleno Almeidão, na noite deste sábado (6), por 2 a 1.

O Belo chegou a abrir o placar aos 16 minutos do primeiro tempo com Neuton, que aproveitou cobrança de falta de Marcos Aurélio. O empate do Sampaio foi ainda na primeira etapa, com Roney, aos 41. A virada veio no segundo tempo com Rodrigo Andrade, aos 21.

A vitória da Bolívia Querida recoloca o time maranhense no G-4 com 18 pontos na terceira colocação. O Botafogo-PB ainda segue no G-4 com seus 16 pontos, mas agora é o quarto.

Na próxima rodada da Série C, o Sampaio recebe o Globo-RN, no Castelão, no próximo domingo (14), às 17h. No mesmo dia o Botafogo-PB visita o Santa Cruz, Arruda, às 18h.

Análise

Vale o registro do prometeu e cumpriu para o técnico João Brigatti. Vimos um Sampaio totalmente diferente das últimas atuações na Série C. Ainda tem uma caminhada de ajustes, mas, pelo menos a postura que era uma cobrança nossa pela filosofia do Sampaio que vinha totalmente avessa a história do clube antes da chegada de Brigatti.

Desde o princípio da partida o Sampaio procurou ser uma equipe vertical. Claro, que no futebol atual, uma equipe precisa ter suas precauções defensivas, porém, quando tiver a posse precisa ser agressivo e fazer todo esse mecanismo com intensidade. Daí o dinamismo cobrando, trabalhado e implantado pelo no treinador. Realmente falou e disse.

Num todo vi o Sampaio bem melhor que os donos da casa. É tanto que mesmo no gol do Botafogo-PB via o Tricolor mais consciente em campo. Aliás, há algum tempo venho dizendo que o Belo tem regredido tecnicamente e tem sobrevivido apenas de bola parada.

Sem exagero, era plausível que o Sampaio até saísse com um resultado maior. O lateral Everton tem boas passagens, mas iniciou errando muito no cruzamento. Depois acabou acertando todos, inclusive a jogada que deu origem ao primeiro gol.

Aliás, por falar em jogador que errou bastante no jogo e acabou sendo decisivo, honraria ao Welder. Perdeu duas grandes oportunidades e se redimiu com um belíssimo passe a Rodrigo Andrade, que com categoria marcou o gol da vitória boliviana.

Em síntese vi realmente evolução nos trabalhos feitos na semana e aquilo que o time se propôs a mudar em postura apresentou. Ajustes precisam ser feitos e cito o posicionamento da bola área, que ainda deu certos sustos. No mais é seguir crescendo. Prevejo um novo momento no clube. Que em casa, contra o Globo-RN, o Sampaio consolide isso.

Futebol

Botafogo-PB x Sampaio: escalações e arbitragem

Com chances remotas, mas, ainda sonhando em pelos menos terminar com honra a Copa do Nordeste, o Sampaio entra em campo neste domingo, às 19h, no estádio Almeidão, diante do Botafogo-PB. Em situações totalmente distintas na competição as equipes fazem o famoso jogo de opostos.

Os donos da casa são os atuais líderes do Grupo B do Nordestão com 14 pontos, com quatro vitórias, dois empates e nenhuma derrota. Contraste dessa situação, a Bolívia Querida, atual campeã da Copa do Nordeste, ainda não venceu no torneio. Lanterna da competição o time maranhense tem cinco derrotas e um empate.

No Belo o grande desfalque é o atacante Dico, por conta de uma lesão muscular. No Sampaio, em meio a muito mistério e suspense, Julinho não levou quatro titulares: o suspenso Eloir e os poupados Andrey, Edgar e Maxuell Samurai.

A partida terá transmissão pelo GloboEsporte.com e Rádio Mirante AM. Confira escalações e arbitragem para o confronto.

Botafogo-PB: Saulo; Roniery, Willian Goiano, Lula e Fábio Alves; Rogério, Marcos Vinicius, Clayton e Marcos Aurélio; Adalgiso Pitbull e Nando. Téc. Evaristo Piza .

Sampaio: Rodrigo Carvalho; Wanderson, Odair Lucas, Vitor e Patric Calmon; Dedé, Patrick Mota, Medina e Lucas Gabriel; Ullisses e Cristian (Salatiel). Téc. Julinho Camargo.

Arbitragem: O árbitro do jogo será Zandick Gondim Alves Júnior. Flávio Gomes Barroca e Lorival Candido das Flores são os assistentes. Ambos são do Rio Grande do Norte. O quarto árbitro é Luciano Luís de Castro Silva, de Pernambuco.