Futebol

Sampaio, River e outros: Roney fala sobre chance de renovação

Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press

Destaque da campanha do vice-campeonato da Série C do Brasileiro pelo Sampaio, o atacante Roney vive a indefinição sobre qual camisa vestirá em 2020. O jogador tem frequentado diariamente a sede da Bolívia Querida por conta de uma recuperação de uma entorse grau três no tornozelo, que o tirou da final da competição nacional e ainda não sabe se volta a vestir a camisa tricolor no próximo ano.

Ocorre que o atacante dono de cinco gols do Sampaio na Série C tem contrato com o River-PI até agosto de 2020 e vinha atuando pelo time maranhense por empréstimo. O Blog do Afonso Diniz conseguiu contato com o jogador que falou em conversas, mas disse que ainda não tem “nada concreto”.

– Ainda não defini (se fica no Sampaio). Estamos em conversas e não tem nada certo ainda. Tem outras situações aí, mas também nada concreto. Estou aqui no Sampaio, pois venho me tratando, aí depois vou para casa – disse o jogador.

O presidente do Sampaio, Sérgio Frota, está em São Paulo-SP, onde busca o que chama de Plano B para captação de recursos após negativa da CBF para adiantamento de cotas da Série B 2020. O dirigente reforçou a nossa reportagem o interesse no atacante Roney para temporada 2020.

O presidente do River-PI, Genivaldo Campelo, já havia antecipado a vontade do jogador de permanecer no Sampaio em 2020. Campelo havia afirmado que uma eventual saída de Roney não deixaria o River-PI sem nada.

Mais no GloboEsporte.com

Futebol Maranhense

Titular do Sampaio anuncia saída e vai para o futebol gaúcho

Foto: Lucas Almeida

Depois das saídas confirmadas de Rodrigo Andrade, Vítor Bafana e Esquerdinha, foi a vez de mais um atleta considerado titular da campanha do vice-campeonato do Brasileiro da Série C divulgar saída. Trata-se do volante Lucas Hulk, que usou as redes sociais para anunciar que não continuará na Bolívia Querida.

“Meu vínculo com @sampaiofcoficial finaliza e agradeço a oportunidade de trabalhar nesse clube.
Obrigado a @chesportes pelo belo trabalho de sempre, ao presidente, comissão técnica pelo convívio e trabalho realizado, aos atletas, aos funcionários do clube e a torcida que me acolheu de braços abertos.
Muito obrigado”, publicou no instagram.

Ao Blog do Afonso Diniz o jogador não quis confirmar o clube exato do seu, mas adiantou que irá jogar no futebol gaúcho. Hulk disse ainda que tinha pretensão de continuar no Sampaio, mas afirmou que “o Sampaio não mostrou interesse”.

– Eu não posso falar o nome do time (que está indo) por causas contratuais. Queria muito responder, mas gera problema pra mim. É no Rio Grande do Sul (seu novo clube). Minha vontade era permanecer, mas infelizmente o Sampaio não mostrou interesse – afirmou.

A nossa reportagem o presidente do Sampaio, Sérgio Frota, afirmou que Lucas Hulk estava na lista de interesse de renovação. Segundo ele, não houve acerto financeiro com o jogador.

Mais no GloboEsporte.com

Futebol Maranhense

Sampaio confirma mais duas saídas

Em momento de montagem do seu elenco para temporada 2020, o Sampaio confirmou mais duas saídas de atletas que vestiram a camisa tricolor na temporada 2019. Depois de Rodrigo Andrade, o clube anunciou rescisão com Vítor Bafana, que tinha contrato com a equipe até dezembro do ano que vem, e também confirmou que o meia Esquerdinha não terá o seu contrato renovado.

Esquerdinha não chegou a um acordo com o Tricolor e acertou por uma temporada com o Brasiliense. Já Bafana apesar de ter contrato não estava nos planos da equipe.

 

– Era um jogador que estava nos planos e queríamos renovar, mas não podemos fazer um acerto fora do nosso planejamento orçamentário financeiro. Ele recebeu essa proposta do Brasiliense e infelizmente não vai ficar conosco – disse o presidente do Sampaio, Sérgio Frota, sobre a saída de Esquerdinha.

 

O Blog do Afonso Diniz entrou com em contato com o meia Esquerdinha, que confirmou o acerto com o Brasiliense. No Sampaio, entre titularidade e entradas no decorrer dos jogos, o jogador fez 16 partidas e marcou um gol. Está é a segunda passagem no Sampaio, pois o atleta já passou na equipe em 2018, quando fez 12 jogos e dois gols.

 

Sanaido Pereira da Silva, o Esquerdinha, tem 28 anos e é natural de Manaus-AM. Além do Sampaio, o jogador já esteve no Bragantino, Altos-PI, Mamoré-MG, Novo Horizonte-CE entre outras equipes.
Futebol Maranhense

É futebol profissional ou o quê?

Após a publicação deste artigo, ouvi alguns sussurros que alguns clubes estariam contrário a fórmula apesar de acharem a mais justa e isonômica por conta de gastos e números de jogos. Ora, quem não quer data e competição com número de jogos razoáveis, que dispute campeonato amador. Isso é futebol profissional, gente! Quer ser um clube profissional e jogar seis, sete jogos na temporada? Francamente… Tá enganando a si próprio… As viagens são gastos comuns para um clube que quer se dizer minimamente profissional.

Não sei quais são esses clubes que argumentam isso, mas se o fazem, que adiantem seu desfiliamento do futebol profissional, pois é inadmissível um clube que quer se dizer profissional só conseguir jogar seis, sete jogos no ano. Fracamente MESMO!

O futebol amador está aí. Que joguem campeonatos de bairros e terminem um torneio em um fim de semana. Um calendário estendido durante a temporada está previsto inclusive na lei federal, que é o estatuto do torcedor. Elementar isso. Depois reclamam do calendário que só abraça os grandes. Esse discurso está fadado ao fracasso…

Futebol Maranhense

Mudança na fórmula do Maranhense é necessária

Na tarde desta sexta-feira (18), a Federação Maranhense de Futebol (FMF) se reúne com os clubes da elite do estado para definições sobre o Campeonato Maranhense 2020. Em conversa com o vice-presidente de competições da Federação Maranhense de Futebol, Hans Nina, houve a antecipação que a entidade apresentará quatro propostas, inclusive a de repetição da fórmula dos dois últimos anos.

Não tenho a menor dúvida que é necessária a mudança da fórmula de disputa que foi tão discutida anteriormente pela diferença de mandos entre as equipes e pela falta de isonomia nas viagens dos clubes. Independente de qualquer fórmula eu acho que a prioridade deve ser sempre a justiça e isonomia. Persistir no erro todos sabemos o que é…

Existe uma dificuldade natural de datas das federações por conta do calendário do futebol brasileiro, mas pelo que Hans Nina nos adiantou podemos antecipar o início do nosso Estadual e fazer uma fórmula justa e com a devida isonomia. Várias fórmulas podem ser apresentadas, porém, existe uma dos sonhos e indiscutível no quesito justiça e isonomia, que já foi apontada pelo diretor da FMF que é possível fazer.

Times fazem jogos de ida e volta em pontos corridos, classificam os quatro primeiros, que fazem semifinal e final. Deste modo, até o rebaixamento de dois clubes, como pretende fazer a FMF, se tornaria mais plausível. Afinal, o clube minimamente faria 14 jogos. Essa fórmula gastaria 18 datas, que antecipando o início do Estadual, segundo Hans informou é possível fazer. Deste modo o princípio da justiça estaria intacto e finalmente teríamos uma isonomia no campeonato.

Se as 18 datas não forem encontradas – que acho que não é o caso – pode-se enxugar de algum modo como mata-mata apenas entre os dois primeiros ou uma semifinal só de ida com vantagem de empate e mando para os dois primeiros. Neste dois casos de redução, não seria o ideal, mas estaria próximo da fórmula dos sonhos que aponto acima.

Agora, uma coisa preciso dizer. Pelo que disse hoje Hans Nina, em entrevista no Bom Dia Mirante (irá propor a repetição e mais três propostas), se a fórmula dos últimos dois anos for mantida a culpa deste erro será exclusiva dos clubes, pois alternativas eles têm e já inclusive estarão na mesa.

Até porque como disse, persistir no erro é o quê?

Futebol Maranhense

Destaque do Sampaio, Rodrigo Andrade acerta com novo clube

Foto: Lucas Andrade/L17 Comunicação

Destaque do Sampaio na campanha do acesso à Série B do Brasileiro, o meia Rodrigo Andrade não continuará na Bolívia Querida. O jogador acertou sua ida ainda pouco para o Botafogo-PB e a informação foi repassada com exclusividade ao Blog do Afonso Diniz.

O jogador foi um dos principais atletas da temporada 2019 com destaque para a fase classificatória e o mata-mata do acesso. Nas semifinais e final, Andrade perdeu a titularidade por opção do técnico João Brigatti.

Ao Blog do Afonso Diniz, Rodrigo Andrade disse que tinha pretensão de permanência no Sampaio, porém afirmou que não estava nos planos do clube. Em contato com nossa reportagem, o presidente do Sampaio, Sérgio Frota, confirmou que Rodrigo Andrade não estava na lista de renovação acertada com o técnico João Brigatti, mas não quis adiantar o motivo.

No Botafogo-PB Rodrigo Andrade assinou contrato até o fim da temporada 2020. No Belo o meia irá disputar as Copa do Brasil e do Nordeste, o Paraibano e o Brasileiro da Série C.

Futebol Maranhense

Novos atletas apalavrados com o Sampaio

Em ritmo de busca de recursos para quitação dos débitos de 2019 e renovações de jogadores para 2020, o Sampaio também já está adiantando as contrações de novos jogadores para a próxima temporada. Ao Blog do Afonso Diniz, o presidente do Sampaio, Sérgio Frota, disse ter oito atletas apalavrados para jogar na Bolívia Querida no ano que vem.

De acordo com Sérgio Frota os jogadores já estão inclusive com acertos salariais e aguardam apenas um posicionamento do clube para assinatura de contrato. O Sampaio articula nos bastidores da CBF adiantamento de cotas da Série B 2020.

– Já tem oito jogadores que já acertei. Estão apalavrados, mas estou aguardando essa questão do adiantamento de cotas da CBF. Já conversei com o Brigatti e chegamos a este nomes e também estamos negociando com outros, mas estamos esbarrando na questão financeira – disse o presidente do Sampaio.

Em 2020 o Sampaio tem como competições garantidas o Campeonato Maranhense e o Brasileiro da Série B. O clube ainda aguarda a possibilidade de jogar a Copa do Brasil por meio do Ranking Nacional de Clubes/Federações, que é divulgado pela CBF somente no fim do ano.

Mais no globoesporte.com