Futebol Maranhense

Árbitro cita objeto jogado contra arbitragem vindo da torcida do Sampaio

O árbitro Caio Max Augusto Vieira relatou o lançamento de objeto contra arbitragem na partida do último sábado (9), no estádio Castelão, entra Sampaio e Vasco. O jogo terminou 1 a 0 para a equipe maranhense e o árbitro do jogo disse que o objeto foi atirado durante o intervalo.

“Informo que no intervalo, quando a equipe de arbitragem se dirigia ao vestiário, vinda da torcida do Sampaio Corrêa foi arremessado uma garrafa plástica contendo liquido em direção ao quarteto de arbitragem, vale salientar que por pouco não chegou a atingir nenhum dos membros”, afirmou o árbitro.

O Sampaio deve ser denunciado e julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O artigo aplicado do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) é o 213, que fala sobre “deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo”. O artigo fala ainda que caso seja feita a “identificação e detenção… Com registro de boletim de ocorrência contemporâneo ao evento, exime a entidade da responsabilidade”. Porém, o árbitro não cita o recebimento de nenhuma identificação feita pelas autoridades policiais na súmula.

A pena chega a uma multa de R$ 100,00 a R$ 100.000,00 até perda de de um a dez mandos de campo. O fato do objeto não ter atrapalhado o andamento do jogo, por ter sido no intervalo, pode ser uma atenuante a favor do Sampaio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s