Futebol

Lateral campeão do Nordeste com o Sampaio é o terceiro ex-tricolor a fechar com Oeste

O Oeste, apesar de rubro-negro, está se transformando em uma verdadeira Bolívia Querida. Jogadores que fecharam o ano no Tricolor em 2018 estão tendo no time paulista o seu principal destino.

Depois de Maracás – que foi em empréstimo até o fim do ano – e Jheimy, foi a vez do lateral Alyson também desembarcar no Rubrão. O jogador já desembarcou no clube, fez testes clínicos e iniciou os trabalhos físicos.

O Paulistão aliás terá vários nomes que estiveram no Sampaio este ano. O goleiro Gustavo Busatto e o atacante Rodrigo Fumaça estarão no Ituano, o volante Adilson Goiano e o meia Danielzinho estarão no Novorizontino, o zagueiro Joécio jogará no São Caetano, o atacante Misael estará no XV de Piracicaba entre outros atletas.

Alyson Vinícius foi campeão da Copa do Nordeste com o Sampaio e foi eleito o melhor lateral-esquerdo da competição. O jogador tem 22 anos e além do Sampaio já esteve também em clubes como Atlético-PB e Botafogo-PB. Em comum acordo com a direção do Sampaio, o jogador se desvinculou do clube ainda com a temporada 2018 em andamento.

Futebol

Valores: quanto o Sampaio ganha com o empréstimo de Maracás

Um dos principais ativos do Sampaio Corrêa, o zagueiro Maracás foi negociado com o Oeste, conforme antecipado por aqui anteriormente. A grande dúvida sobre a negociação foi quais a respeito dos valores da transferência e se houve alguma contrapartida para o Tricolor em decorrência do empréstimo por uma temporada.

O Blog do Afonso Diniz teve acesso a estas informações com exclusividade e tudo foi confirmado pelo presidente do Sampaio, Sérgio Frota. Segundo ele, o Sampaio emprestou Maracás ao Oeste pelo valor de 40 mil reais, que serão pagos em duas parcelas pelo clube paulista.

O contrato de empréstimo tem validade até o fim da temporada 2019. No Oeste o zagueiro vai disputar competições com o Paulistão e a Série B do Brasileiro. Maracás tem contrato com o Sampaio até 2021 e multa rescisória de 1,5 milhão de reais.

Futebol

Exclusivo: novo clube de Maracás e modalidade da negociação

Durante as últimas horas, o zagueiro Maracas usou as redes sociais para se despedir do Sampaio Corrêa e deixou em aberto qual seria a camisa que vestiria em 2019. Entretanto, o Blog do Afonso Diniz recebeu a informação exclusiva de qual será sua futura equipe.

A casa do zagueiro baiano em 2019 será o Oeste, que vai disputar o Campeonato Paulista e a Série B do Brasileiro na próxima temporada. A confirmação oficial do negócio deve ser realizada nas próximas horas.

O Blog do Afonso Diniz confirmou ainda que Maracás foi negociado com o Oeste em empréstimo até o fim de 2019. Aguada-se um posicionamento do Sampaio sobre os valores da negociação já que o jogador foi destacado como um dos principais ativos financeiros da Bolívia Querida. Maracás tem contrato com o Sampaio até 2021 e multa rescisória de 1,5 milhão de reais.

Outro jogador que atuou no Sampaio em 2018 e que fechou com a equipe paulista foi o atacante Jheimy, que terá uma nova passagem no time rubro-negro. Entretanto, a situação do jogador é diferente já que não tinha contrato estendido com o Sampaio Corrêa.

 

Futebol

Sampaio domina Oeste, não mata e deixa vitória escapar

Foto:Jefferson Vieira? Peste FC

Foi um jogo de um time só. Jogando em plena Arena Barueri, o Sampaio Corrêa dominou o duelo contra o Oeste do começo ao fim. Teve maior posse de bola, criou grandes, chances, mas pecou demais nas finalizações e no último passe e a partida da tarde deste sábado (29) terminou no 0 a 0.

Mesmo jogando em casa, o Oeste fez questão de jogar em linhas baixas e o Sampaio além do domínio territorial tinha uma melhor postura tática e o perfil defensivo da equipe rubro-negra, não teve ineficácia, visto que os donos da casa deixaram muito espaço e o Sampaio criou diversas oportunidades. Entre tantas chances perdidas, chamo atenção para Eloir, que perdeu três lances de gol cristalinos.

O grande pecado do Tricolor além das finalizações foram as decisões dos atletas no último terço do campo. A equipe boliviana, dominava, criava espaços na defesa rubro-negra, mas errava bastante nas opções tomadas. Já disse aqui inúmeras vezes, nesse momento da competição, o Sampaio não precisa jogar bem, não precisa dominar e ter as melhoras chances. Pra ontem, a equipe precisa desesperadamente de vitórias e de novo não conseguiu…

Na próxima rodada da Série B, o Sampaio volta a jogar em casa após duas rodadas. O Tricolor recebe o Figueirense, nesta terça-feira (2), no Castelão, às 19h15. No mesmo dia o Oeste visita o Criciúma, no Heriberto Hulse, às 20h30.